É pelas próprias virtudes que se é mais bem castigado. (Nietzsche)